Francofonia nas telas em Montreal

 

Um dos maiores festivais de cinema francófonos do mundo, o CINEMANIA, chega à Montreal com muito glamour e uma seleção de mais de 50 filmes. A mostra começa no dia 3 de novembro e serão 10 dias dedicados ao melhor da sétima arte em francês.

14859920_10153822628016790_3909986555539023257_o

Um dos destaques é o filme de abertura Mal de Pierres com a estrela Marion Cotillard, atriz francesa ganhadora do Oscar de 2008 por sua atuação em Piaf-Um hino ao amor, e dirigido por Nicole Garcia, que vai participar da abertura. No romance, Cotillard é Gabrielle, uma dona de casa apaixonada por um militar em um cenário ambientado na Segunda Guerra Mundial.

091608
O filme Mal de Pierres vai abrir o festival

O festival traz dramas, romances, suspenses, policiais e comédias e com sessões em três cinemas de Montreal: Cinema du Parc, Cinéma Imperial e Cinémathèque Québécoise.
Além da diretora Nicole Garcia, 15 artistas convidados vão participar das sessões, workshops e debates com o público como Virginie Efira, SOKO e Raphaël Personnaz.

14352055_10153734707336790_7084131771520644513_o
A diretora francesa Nicole Garcia é uma das estelas convidadas

Todos os filmes são em francês com legendas em inglês e ingressos a partir de 8,50 dólares.”A língua francesa é central para nossa identidade como um povo. Ela reflete a ligação com nossas raízes e nosso desejo de transmitir esta preciosa herança cultural para as futuras gerações”, afirmou Philippe Couillard, Premier do Quebec.

14570771_10153822604271790_1236884275881866232_o

Nos últimos 22 anos, o  CINEMANIA já apresentou mais de 650 filmes. “O CINEMANIA continua crescendo e é reconhecido internacionalmente como um dos mais prestigiosos eventos da língua francesa na América do Norte”, explicou Maidy Teitelbaum, fundadora e presidente do festival.

Para saber mais informações sobre preço de ingressos, horários e locais de exibição:
https://www.festivalcinemania.com

O melhor do vinho em Montreal. Degustação a partir de 1 dólar!

O frio do outono chegou com força e nada melhor do que um bom vinho para esquentar o corpo e animar a alma. Se você gosta da mais divina das bebidas, não pode perder a Festa de Vinhos do Quebec-La Fête des vins du Québec, que começa nesta sexta-feira, dia 28 de outubro, e se estende até o domingo.

fetedesvins20162
Cupons de degustação a partir de 1 dólar

O evento — organizado pela Association des vignerons du Québec e apresentado pela Société des alcools du Québec, a SAQ — chega à sua 11ª edição com mais de 30 vinícolas e centenas de vinhos no Complexo Desjardins( 150, rue Sainte-Catherine ,Montréal, QC, H2X 3Y2).

fetedesvins2016
Final de semana de vinhos em Montreal

O evento vai ser apresentado pelo sommelier Jessica Harnois, embaixadora dos vinhos do Quebec, e terá uma série de atrações, como o concurso Grands Vins du Quebec, o qual irá eleger o melhor vinho da região; degustações especiais de vinho acompanhadas por queijos finos e até um presente surpresa para quem for fantasiado. O festival acontece em meio as festividades do Halloween e quem for a caráter, seja como bruxa, mago, seja como abóbora, vai receber um mimo dos organizadores.

photo_jessica_harnois
A sommelier Jesssica Harnois dará dicas de como escolher um bom vinho

Quem tem crianças não precisa ficar de fora. O festival conta com uma programação no domingo, a partir das 11 da amanhã, que inclui um brunch, chocolates e uma variedade de crepes. Crianças até 14 anos não pagam entrada. “Este evento funciona como uma vitrine para os produtores de vinho e queijo do Quebec. É uma oportunidade para descobrir os produtores locais dos quais nos orgulhamos”, explicou Audrey Desbiens,  chefe de serviços da SAQ.

14249904_750662871741900_7479461768951680650_o

Além da Festa de Vinhos do Quebec-La Fête des vins du Québec, o final de semana terá uma outra deliciosa opção para os amantes da bebida e devotos de Baco, o deus grego do vinho: The Salon des Vins d’Importation Privée.

10392504_10152557552916155_1046729647132704979_n
Queijos e vinhos para esquentar o final de semana

O evento Salon des Vins d’Importation Privée vai acontecer do dia 29 ao dia 31 de novembro no Bonsecours Market (BallRoom, 350 Saint Paul E, Montreal). A expectativa é que mais de 5 mil pessoas compareçam ao evento, organizado pela RASPIPAV — Regroupement des agences spécialisées dans la promotion des importations privées des alcools et des vins e também apresentado pela SAQ.

14691450_1187761464641530_108492765709330007_o
Os vinhos artesanais do Quebec são destaques no salão de importação

O mercado de importação particular de vinhos no Quebec movimentou cerca de 122 milhões de dólares em 2015/2016. Esta é a nona edição do salão,  a qual este ano vai ter o sommelier Philippe Lapeyrie como porta-voz. “Todos conhecem os bons conselhos para escolher vinhos de qualidade de Philippe Lapeyrie. Como parte da feira, ele vai convidar o público para ir além dos rótulos e conhecer a importação particular”, explicou Pierre Birlichi, presidente da RASPIPAV.

affiche-final-letter-2016

Para saber mais informações sobre preços de entrada, horários e agenda de ateliers de degustação, basta clicar nestes links:

La Fête des vins du Québec: www.fetedesvins.ca 
Salon des Vins d’Importation Privéehttp://www.raspipav.com

Obs.: fotos cedidas pela divulgação dos eventos.

Diversidade cultural no Canadá!!! Festival du Monde Arabe de Montréal

A arte, o cinema, a dança, o teatro e a música árabes são os destaques de um encontro que celebra a diversidade em Montreal. É o Festival do Mundo Árabe/Festival du Monde Arabe de Montréal,  que, em sua 17ª edição, traz o tema Aurora para sua programação. São mais de 100 artistas canadenses, europeus e, é claro, árabes. “O festival é um marco para o estabelecimento de um diálogo construtivo, rico e de união”, explicou Joseph Nakhlé, diretor-geral do festival.

14424955_1090973340956102_3781102298593195022_o

                           O festival celebra a diversidade e a união cultural

O Festival do Mundo Árabe/Festival du Monde Arabe de Montréal vai começar no dia 28 de outubro e segue até 13 de novembro. Os espetáculos, que promovem a integração entre o mundo árabe e a cultural ocidental, vão acontecer em vários pontos da cidade. Na noite de abertura, o show é uma homenagem à Síria e a Palmira, uma milenar e histórica cidade semita, localizada entre os rios Tigres e Eufrates, a qual foi parcialmente destruída pelos extremistas do grupo Estado Islâmico.

abeer-nehme_baalbek-festival-2

O show Divine Palmyre  traz a cantora libanesa Abeer Nehmé em uma odisseia musical que mistura canções sírias, armênias e curdas.

zenobiaA bela Abeer Nehmé  faz uma homenagem à Síria devastada

Outro destaque é o comediante egípcio Bassem Youssef, que transforma fatos do cotidiano, como preconceito e extremismo religioso, em sátiras com muito humor e diversão.

bassem-youssef-69
Crítica social com muito humor no show de Bassem Yousseff

Quem também promete não deixar ninguém parado é a cantora Dorsaf Hamdani, que mistura canções francesas e árabes. Já La Banda Morisca vai apresentar um espetáculo com flamenco, ritmos árabes e espanhóis.

labandamorisca
Mistura de ritmos com La Banda Morisca

O festival vai ter um extensa programação gratuita com artistas como Ziad Rahbani e Moudhaffar Nawab, que unem poesia e música. Se você deseja ver um show com dança, música e de graça, não pode perder o Récits au(x) féminin (s). É uma apresentação com três mulheres emblemáticas da cultura árabe: a multiperformática Zenobia, a poetisa Rabi´a Al-Adwiyya e Djamila Bouhired, um dos ícones da resistência argelina.”A produção e a valorização de aspectos de uma sociedade plural representa um papel vital para o Quebec e a cultura canadense e também representa uma tentativa contra o avanço do extremismo e de qualquer tipo de fobia, afirmou Joseph Nakhlé.

aurores-spectacle-photoArte contra o preconceito e o extremismo

Para saber mais informações, entre no site:

http://festivalarabe.com

Cinema brasileiro no Canadá. Festival du film brésilien de Montréal

O festival de filmes brasileiros de Montreal chega à sua 10 edição com uma programação que mostra a diversidade da cultura do Brasil no Canadá. A mostra acontece entre os dias 21 e 27 de out…

Fonte: Cinema brasileiro no Canadá. Festival du film brésilien de Montréal

Cinema brasileiro no Canadá. Festival du film brésilien de Montréal

 

O festival de filmes brasileiros de Montreal chega à sua 10 edição com uma programação que mostra a diversidade da cultura do Brasil no Canadá. A mostra acontece entre os dias 21 e 27 de outubro no Cinema du Parc na Place des Arts e traz filmes de drama, comédia, suspense e ação.

13962542_970516363093795_7496159625245898376_n

 

Um dos destaques do festival é o filme Aquarius, uma produção franco-brasileira, estrelado por Sônia Braga, Humberto Carrão, Irandhir Santos e Maeve Jinkings. O filme foi dirigido por Kléber Mendonça Filho e co-produzido por Walter Salles e filmado no Recife.A história é sobre Clara ( Sônia Braga), uma mulher que luta por manter seu apartamento onde sempre viveu em meio às ameaças e o assédio de funcionários de uma construtora.

14470520_999534843525280_4493614339085825122_n

A produção foi lançada em maio deste ano e já foi distribuída por mais de 60 países. O filme Aquarius teve uma participação polêmica no Festival de Cannes este ano. Os atores do longa fizeram um protesto contra o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e a instabilidade política no Brasil.

13243810_1108053195882282_5173531638862215587_o-1132x670
Elenco de Aquarius no protesto em Cannes

 

Outra atração é o novo filme dirigido por Anna Muylaert, o drama Mãe Só Há Uma. Estrelado por Dani Nefussi e Matheus Natchergaele, o filme conta a história de um adolescente que descobre sua família biológica após um teste de DNA. Para quem gosta de comédia, a opção é Um namorado para minha mulher” com Ingrid Guimarães, Caco Ciocler, Domingos Montagner, Marcos Veras, Paulo Vilhena e Miá Mello. O festival traz lançamentos e também filmes recentes como “Tudo que Aprendemos Juntos” estrelado por Lázaro Ramos e lançado há 2 anos.

14516338_1004366873042077_3044229357674690788_n

No festival todos os filmes vão ter legenda em inglês ou francês e os ingressos custam a partir de 9 dólares canadenses. A mostra, que tem apoio do Consulado-Geral do Brasil em Montreal, é uma oportunidade de conhecer melhor o cinema brasileiro e prestigiar a cultura do Brasil.

 

Para maiores informações:

Festival du film brésilien de Montréal: http://ffbm.net/2016/fr/

CINÉMA DU PARC 

3575, av. du Parc

Montréal (Québec)

H2X 3P9

514 281-1900
Fax: 514-373-7728

info@cinemaduparc.com

L´OFF JAZZ MONTREAL. Temporada de jazz com shows grátis até o dia 15 de outubro!!

Um dos maiores festivais de música chega junto com o outono em Montreal. A temporada do Montreal’s OFF Jazz´Festival traz o que há de melhor no mundo da música e celebra a 17 edição com 110 …

Fonte: L´OFF JAZZ MONTREAL. Temporada de jazz com shows grátis até o dia 15 de outubro!!

Montreal’s OFF Jazz´Festival. Temporada de jazz com shows grátis por toda a cidade

Rosane Rodrigues, Jornalista

o grupo mistura o jazz com cânticos sagrados da religão Voodo do Haiti.. achei muito bonito e extremamente interessante!!E viva a diversidade!!!!!

Um dos maiores festivais de música chega junto com o outono em Montreal. A temporada do Montreal’s OFF Jazz´Festival traz o que há de melhor no mundo da música e celebra a 17 edição com 110 músicos, 24 concertos e vários shows de graça de artistas canadenses e internacionais como Maggi Olin, Peter Bernstein, Ben Monder, Roscoe Mitchell, Georg Graewe e The Claudia Quintet. O festival acontece do dia 6 à 15 de outubro.

visuel-off O melhor do jazz ao vivo em Montreal

Quem abre os palcos é o Transatlantic Conversations, um projeto que une a Suécia e o Quebéc. A pianista Maggi Olin , a saxofonista Christine Jensen e um grupo de 11 músicos prometem um espetáculo arreabatador no Lion d’Or, local da abertura do…

Ver o post original 255 mais palavras

L´OFF JAZZ MONTREAL. Temporada de jazz com shows grátis até o dia 15 de outubro!!

 

Um dos maiores festivais de música chega junto com o outono em Montreal. A temporada do Montreal’s OFF Jazz´Festival traz o que há de melhor no mundo da música e celebra a 17 edição com 110 músicos, 24 concertos e vários shows de graça de artistas canadenses e internacionais como Maggi Olin, Peter Bernstein, Ben Monder, Roscoe Mitchell, Georg Graewe e The Claudia Quintet. O festival acontece do dia 6 à 15 de outubro.

visuel-off
O melhor do jazz ao vivo em Montreal

Quem abre os palcos é o Transatlantic Conversations, um projeto que une a Suécia e o Quebéc. A pianista Maggi Olin , a saxofonista Christine Jensen e um grupo de 11 músicos prometem um espetáculo arreabatador no Lion d’Or, local da abertura do festival.

christine-jensen
A saxofonista Christine Jensen comanda o show de abertura

Outro destaque é o Voodoo Jazz Trio com o saxofonista Jacques Schwarz-Bart, a cantora Malika Tirolien e o percussionista Tiga Jean-Baptiste. O trio mistura o clássico com sons do Haiti e promete não deixar ninguém parado.

14589814_1157924897619989_5819792478541558260_o

A proposta de mesclar o jazz com cânticos sagrados da religão Voodo do Haiti é fascinante. Um exemplo de diversidade cultural e respeito às diferenças.

14359238_1146340722071324_1004509882825561122_n
Ritmos do Haiti com o  Voodoo Jazz Trio

Uma das estrelas do mundo do jazz vai fechar o festival. O veterano e multi-talentoso Roscoe Mitchel & The Montreal-Toronto Art Orchestra vai apresentar um show inédito com 20 músicos no palco, sendo 10 de Toronto e 10 artistas de Montreal no Le Gesù no dia 15 de outubro.

14502707_1146312272074169_8025625585370361243_n
O veterano Roscoe Mitchel é uma das atrações do festival

Uma boa notícia é que o festival deste ano vai ter um grande número de apresentações gratuitas e no estilo” pague o que quiser”. Um dos shows é com pianista alemão Georg Graewe acompanhado dos músicos da École de Musique Schulich da Universidade McGill. Outra opção para quem quer curtir e não gastar é a apresentação do Nomad, que mistura clarinete,saxofone, bateria e muita criatividade.

14449849_1146282672077129_6722821966255514375_n
O jazz do Nomad em um show de graça

Para informações sobre ingressos e locais dos shows gratuitos:

http://www.loffjazz.com
info@lofffestivaldejazz.com
» L’OFF Festival de Jazz de Montréal
1097, rue St-Alexandre, bureau 305
Montréal, QC, H2Z 1P8
Canada
» 514 524-0831

Obs: fotos cedidas pela divulgação do Montreal’s OFF Jazz´Festival.

Em Montreal, o Halloween já começou. Outubro é o mês das Bruxas e do ” Trick or treat”!

Em vários países do mundo, o mês de outubro é marcado pela celebração do Halloween, a festa do Dia das Bruxas. Nos Estados Unidos e no Canadá, o Halloween é um evento que reúne milhões de crianças e adultos.

62-4

Nas ruas de Montreal, as casas já estão enfeitadas com muitas abóboras, caveiras e bruxas.O Halloween é uma celebração que ocorre no dia 31 de outubro, que é a véspera do Dia de Todos os Santos: o “All Hallows’ Eve”.

14470490_1146530432092769_7813158141703170276_n
Nas ruas de Montreal, várias casas já estão enfeitadas para a festa

O início da celebração está ligado ao um antigo ritual celta de Samhain, popular nas regiões da Escócia e Irlanda há mais de 3 mil anos. O Samhain era uma festa em homenagem aos mortos e durava 3 dias, onde também se comemorava a boa colheita e o fim do verão. Na celebração, o joio era queimado em uma imensa fogueira. A Irlanda é conhecida como a Ilha Cor de Esmeralda, que também era o nome de uma das bruxas da festa.

outdoor-halloween-games-for-kids
A tradição do Halloween tem origem celta

A tradição celta se espalhou pelo mundo com a imigração e hoje é uma das festas mais celebradas do planeta. ” No Canadá, ocorreu uma imigração em massa de irlandeses que fugiam da fome a partir do final do século 18. Acredito que pelo menos 40% dos moradores de Montreal têm uma herança irlandesa. Foi por causa disso que a tradição do Hallowen se mantém até hoje”, explicou Donovan King, diretor e pesquisador do Montréal Hanté, que organiza roteiros turísticos de arrepiar.

14441186_1151231441622668_1478478908812904136_n
Abóbora enfeitada no Jardim Botânico

O uso da abóbora é fundamental no Halloween e ela tem um nome: Jack O’Lantern. Uma lenda irlandesa conta que Jack Miserable costumava beber muito e durante uma festa, ele exagerou e morreu.Sem conseguir entrar no céu ou no inferno, a alma de Jack vaga pela eternidade com sua abóbora como lanterna.Se é verdade ou não, só as bruxas sabem a resposta.

jack-o-lantern-3
A abóbora, a lanterna de Jack, é um dos símbolos do Halloween

O Halloween é só no dia 31,mas para entrar no clima, uma série de eventos acontecem em toda a cidade de Montreal. O que você acha de fazer um tour de outro mundo?É o Montréal Hanté. A ideia é simples, fascinante e assustadora. Histórias macabras e aterrorizantes são contadas de uma maneira bem especial com os atores fazendo performance e levando o público a conhecer de perto os locais das tragédias.

12132513_404903409700389_7065190036127027188_o
O passado sombrio de Montreal faz parte do tour

As lendas sobre o fantasma de Mary Gallagher, uma prostituta assassinada e decapitada por sua então melhor amiga em 1879, que segundo boatos costuma aparecer sem cabeça pelas ruas de Griffintown, prédios abandonados e ruínas de uma antiga igreja fazem parte do roteiro. Para o Halloween, os atores prepararam um tour especial: The Haunted Red Light District Ghost Walk! O passeio acontece pelas ruas do Quartier des Spectacles e para participar basta ter coragem, levar uma lanterna e pagar o ingresso de 20 dólares canadenses.

10996059_371264106397653_4027142409529511258_o
Você tem coragem para encarar os fantasmas de Montreal?

 

Se ficou com medo do tour fantasma, outra opção é o Jardim Botânico de Montreal com o evento The Great Pumpkin Ball. É uma oportunidade para adultos e crianças de conhecer o Halloween e a Bruxa Esmeralda.

14523238_1151228811622931_4052313335768056494_n
Eu e a Bruxa Esmeralda

Dezenas de abóboras decoradas, a casa da Bruxa Esmeralda com caldeirões e vassouras, caveiras em meio às árvores e flores promovem diversão garantida e com um detalhe: Esmeralda conversa com todos em inglês ou francês. O preço dos ingressos é variado e a partir de 7,75 CAD.

14519874_1151231668289312_3708790680625317096_n
A casa da Bruxa Esmeralda é uma das atrações do Jardim Botânico de Montreal

Para quem quiser curtir o Halloween, uma maquiagem é essencial. Para as crianças, as fantasias estão disponíveis em várias lojas.Bruxas, caveiras, fantasmas…tem para todos os gostos e bolsos.

bruxa
A sugestão é caprichar no olhar com as sombras metalizadas

Para as mulheres, uma maquiagem forte com toques metálicos e muito preto e roxo garantem o visual bruxa. Quem quiser se “montar” para festa das Bruxas, não é preciso gastar muito. A rede Jean Coutu com a NYX Cosméticos lançou uma série de maquiagens especiais para o Halloween. “As cores metálicas são fortes e produzem um efeito incrível para arrasar em qualquer festa de Halloween ” explica a maquiadora Virginie Vandelac.

bruxa2
Bruxa e bela!!!

Seja qual for sua opção, o ideal é relaxar e entrar na brincadeira do ” Trick or treat” ou me dá um doce ou eu faço uma travessura.

14390848_1151231238289355_7748993378372483683_n

De acordo com os locais, os enfeites nas casas são a dica que ali tem doce. “Para os brasileiros, o Halloween é uma espécie de Carnaval.Adultos e crianças se fantasiam, brincam e se divertem. O Halloween é parte da nossa cultura”, completou Donovan King.

12049296_407072552816808_6186439799122212949_n
Histórias de terror pelas ruas de Montreal

Para saber mais:

Montréal Hanté: http://www.hauntedmontreal.com/
Jardim Botânico de Montreal: http://espacepourlavie.ca/en/rates/botanical-garden-insectarium
Jean Coutu: https://www.jeancoutu.com/magasiner/marques/nyx-cosmetics/beaute/maquillage/

Fotos:

As fotos foram cedidas pela divulgação do Montréal Hanté, Espace Pour la Vie e Jean Coutu.